Fire Conference 2011

Ministração da Palavra: Reverendo Hudson Silva

“Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva”. João 7:38

 

A diferença entre ser água viva e água morta

Quando a bíblia usa estas linguagens são chamadas linguagens figurativas, para um judeu que estava ouvindo ele fazia uma comparação para entender do que se tratava.

Repita comigo: Eu quero ser um rio de águas vivas, depois de conhecer o que é um rio de água morta, eu quero ser água viva.

A água viva se movimenta, a água morta é água parada.

A água viva é a água que corre para a direção certa.

A água viva é a água que não para, não há construção humana que pare a água viva, assim são aqueles movidos pelo Espírito Santo, nada nem ninguém o para, se foi Deus que começou vai e arrasa.

Se você está vivendo o seu melhor para o Senhor você é uma enxurrada de águas vivas. O crente cheio do Espírito Santo se torna um manancial, o crente cheio do Espírito Santo tem no passado um problema resolvido, um presente de vitórias e um futuro de esperança.

Água viva anda para frente.

Água viva está sempre arrancando os impedimentos, arrancando os empecilhos, o espírito de Deus te dá força para se tornar um rio poderoso e passar por cima desta barragem, podem vir todos, pois serão transformados em rios vivos.

Andar com Deus é como andar de bicicleta, se parar cai.

Andar com Deus é movimento.  

Quem tem Espírito Santo não para.

Não parem, águas vivas se movimentam.

Águas vivas têm a habilidade de se unirem para serem mais fortes.

Aqui em Ipatinga se une o Rio Doce e o Rio Piracicaba, os dois se unem para ficarem mais fortes, vida com Deus é pessoal, mas não independente, rio só é forte quando se une a outro rio.

Você pode ser um córrego, você pode ser um fio de água, mas se você unir com outro rio vai se tornar um rio poderoso.

Águas vivas produzem coisas boas, produzem peixes, algas marinhas.

Quando você for um homem cheio do Espírito Santo só irá produzir coisas excelentes.

De águas vivas brotam relacionamentos. A capacidade de aplaudir o sucesso do outro. “Alegrem-se com os que se alegram; chorem com os que choram. Romanos 12:15

Chorar com os que choram é muito fácil, difícil é se alegrar com quem se alegra, mas se você for um rio de águas vivas você tem a capacidade de aplaudir o sucesso do outro.

Toda água viva é útil.

Água viva serve para cozinhar, água viva serve para transportar pesos, navios navegam em águas vivas, seja um homem cheio do espírito santo para Deus colocar peso sobre a sua vida, você tem que ser navegável. Homem navegável é o que você pode delegá-lo que ele resolve. Você tem que ser útil para apagar fogos estranhos, não se apaga fogo com fogo não, seja um rio de águas vivas, vai e arrasa, apaga esse fogo estranho.

Águas vivas sempre se deságuam em algo maior.

Você pode até começar pequeno, mas você tem que terminar grande, você pode até começar como uma fonte, fontes começam com fios de águas que se une aos córregos, se tornam rio que se juntam e deságua no mar, o seu fim tem que ser maior do que o seu começo.

Você que começou como uma fonte que ninguém nunca deu nada, quem sabe sua própria família desistiu de você, ai você começou a dar-se para Deus e se transformou em um córrego, hoje você pode ser um córrego pequeno, mas amanhã você irá desaguar num grande oceano, num oceano de benção de grandeza. Amanhã será melhor do que hoje.

O Espírito Santo fará de você um rio de águas vivas

que correm para algo maior.

Esse post foi publicado em Fire Conference. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s