Testemunho de Samir Mustafá

Filho de um palestino e de uma brasileira, Samir Mustafá se converteu ao cristianismo e hoje é pastor.

Seu pai saiu da palestina e veio para o Brasil e trabalhando de porta em porta vendia colchas e cortinas, fez uma clientela no Rio de Janeiro, juntou um dinheiro e abriu uma loja, mais tarde casou-se com uma funcionária de sua loja e foi para os Estados Unidos, lá em Nova Jersey trabalhava da mesma forma de porta em porta vendendo, lá nasceram seus três filhos e Samir Mustafá é um deles, durante 31 anos Samir como muçulmano ia até a mesquita com teu pai, mas diz que a maior experiência que teve foi quando foi a Israel, ele diz: “Fui a Israel e senti uma presença como nunca, a presença do Senhor, sabia que caminhava naquele lugar onde o meu Senhor já havia passado.”

 

Quando passares pelas águas estarei contigo, e quando pelos rios, eles não te submergirão; quando passares pelo fogo, não te queimarás, nem a chama arderá em ti. Isaías 43:2

 

O Senhor é contigo e por onde quer que você andar Ele estará conosco.

 

Com 14 anos de idade, Samir mudou-se para o Brasil com sua família, e ao completar 18 anos retornou aos Estados Unidos com a intenção de alistar-se, nas férias sempre vinha ao Brasil visitar seus pais, certo dia caminhando pela praça no Rio de Janeiro viu uma menina muito linda e resolveu se aproximar, depois de pedir a permissão dos pais dessa garota começou a namorá-la e não mais voltou aos Estados Unidos.

No Brasil começou a trabalhar na Varig como comissário de bordo, casou-se com aquela moça, seu nome é Marilza, mais tarde tornou-se chefe de equipe no seu trabalho, e logo depois instrutor de vôo, pensava ter tudo o que desejava.

Em um vôo vindo de Recife ao chegar em Salvador Mustafá começou a passar mal, voltou ao Rio de Janeiro para procurar um médico, ao tomar os medicamentos indicados por duas semanas e nada ter adiantado, fez então vários exames e contatou que estava com dois tipos de câncer, foi então para Nova Iorque a fim de encontrar uma cura, sua mãe dizia que ele não morreria porque Jesus faria o milagre em sua vida, ainda sem acreditar no Evangelho Samir repreendia sua mãe quando ela dizia isso. Seu médico dizia que no máximo ele teria seis meses de vida.

Um dia sua mãe lhe apresentou o pastor dela, um homem missionário nos Estados Unidos vindo de Belo Horizonte, ao conversar com esse missionário Samir disse a ele que estava nas mãos do melhor médico e que não desejaria que fosse feito uma oração pela sua vida, com a autorização da mãe de Mustafá o pastor fez a oração por ele.

E o pastor ia dia após dia na casa de Samir, ele então disse a sua mãe que havia aprendido algo com ele: perseverar.

Seu câncer se agravou e além de quimioterapia havia agora que fazer também a cirurgia, a primeira cirurgia haveria que tirar seus nervos linfáticos e fazer mais uma vez a quimioterapia.

Chegou em casa e comunicou a sua mãe que estava morrendo, dez minutos depois o pastor de sua mãe chegou e Samir deixou que ele fizesse o que quisesse alegando que já estava morrendo, ele leu o Salmo 121 e orou por ele, isto era em 1993.

Logo após o pastor ir embora ele se ajoelhou no quarto e falou com Jesus, disse: “Jesus eu não sei orar, mas eu ouço que o senhor cura e se é verdade porque o Senhor não me cura?”

Ele dormiu, e quando acordou falou a sua esposa que havia acontecido algo diferente que ele havia dormido uma noite completa como não havia tido por dois meses. Mais tarde foi até o hospital para fazer o pré operatório, fez os exames, voltou para casa e seu médico pediu que ele retornasse ao hospital para refazer os exames.

Ele havia ganhado um carro Cadilac de seu irmão, e decidiu que não iria esperar os seis meses para morrer, que acabaria ele mesmo com a sua vida mas então ele ouviu uma voz: “Não faça isso” e diz não ter duvida de que foi a voz de Jesus. Ele desacelerou e foi ao hospital, chegando ao hospital seu médico lhe falou para não perguntar nem como nem porque, mas ele havia sido curado. Naquele momento ele olhou para o médico e não conseguia sequer pronunciar uma palavra então conseguiu lembrar-se daquela sua oração, e disse ao médico: “Quem me curou foi Jesus!”

Do hospital foi até a sua casa e encontrou-se com sua mãe que disse que já sabia que ele estava curado porque naquele dia quando se ajoelhou para orar pela vida de seu filho Deus lhe disse que ele estava curado. Samir então perguntou a sua mãe quando era o próximo dia de culto em sua igreja e naquele dia aceitou a Jesus, diz hoje ser nova criatura onde não é mais ele quem vive, mas Cristo vive nele, tudo isso aconteceu em 1993.

Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s